Afrodite – Arquétipo alquímico feminino

Arquétipo de Afrodite

Dando continuidade aos estudos sobre os arquétipos das Deusas Gregas nos comportamentos das mulheres contemporâneas, hoje conhecemos aquelas que seguem a Deusa Afrodite, a alquímica.

Finalmente chegamos à última Deusa dos arquétipos gregos: Afrodite. Ela é um arquétipo interessante, pois ao mesmo tempo que há semelhanças com as demais Deusas, Afrodite tem suas características individuais. Ao mesmo tempo que é similar, é diferente. Consegue compreender o que digo?

No caso das Deusas Virgens, Afrodite também busca realizar seus interesses e alcançar os objetivos que são voltados para si, contudo ela não é virgem. No caso das Deusas vulneráveis, Afrodite tem filhos, contudo jamais se deixa ser vítima dos seus parceiros. Além de que Afrodite não busca relacionamentos à longo prazo como as vulneráveis, porém não deixa de ser amada por seus parceiros.

Uau… parece que ela une os dois grupos arquétipos, não? Vamos conhecer mais dela então.

Arquétipo de Afrodite

Governa o prazer pela beleza e pelo amor, trazendo a sensualidade da mulher. Podem ser mulheres exigentes com seus parceiros, e são incentivadas na criatividade e procriação.

Quando se encontra apaixonada por alguém, atraída por alguém, a mulher tipo Afrodite irá se sentir sensual e atraente. Isso é, quando o arquétipo da Deusa não é dominante na psiquê da mulher. Agora, se Afrodite é dominante, então temos uma mulher com forte sex appeal.

Nesse caso, a mulher atraí os outros em sua energia excitante.

Contudo, em religiões, crenças e culturas patriarcais onde não é permitido a mulher explorar sua sexualidade, quando o arquétipo se torna dominante a mulher pode sofrer. Seria o conflito clássico de querer, mas não poder. Sendo assim, ela poderá ser taxada de prostituta e demais nomenclaturas pejorativas que irão jogar o arquétipo de Afrodite para o inconsciente.

Em nossos tempos modernos, onde a discussão sobre a sexualidade da mulher é ferrenha, podemos dizer que o arquétipo da Deusa está sendo tirada de sua prisão para ascender ao trono da psiquê. Quer se sentir sexy, bonita, bem consigo mesmo? Convide Afrodite para a sua vida.

Segundo a autora Boleen, há duas formas de ativar esse arquétipo: uma parece como uma explosão, um desejo sexual que a mulher desconhece sua origem. Apenas sente o desejo e quer saciá-lo. Já a segunda forma é a partir de um gatilho, como entrar em um relacionamento.

Afrodite, procriação e criatividade

Assim como dito anteriormente, Afrodite pode trabalhar com a procriação e a criatividade da mulher.

No caso da procriação não devemos pensar que a mulher sente o desejo de ser mãe, como no caso de Deméter. O desejo sexual da mulher pode acontecer justamente no período que antecede a menstruação. Sendo assim, as chances de uma gestação são grandes. A mulher engravida devido ao seu desejo e não por estar planejando engravidar.

Podemos pensar nisso como um instinto do ser humano em procriar para evitar a extinção da própria espécie. O ciclo menstrual da mulher vem com um pico de líbido da qual podem fazê-la ter sonhos eróticos. Com Afrodite em cena, ela busca seu parceiro e sana sua sede que resultará em uma gestação.

A criatividade funciona da mesma maneira, só que no campo das ideias. O artista entra em um relacionamento que dará origem à uma ideia. A criatividade, nesse âmbito, se torna uma concepção de ideias a partir do amor. Afinal de contas, Afrodite irá trabalhar com o processo de dar vida à algo, o processo da atração, da sensualidade que culminará no apaixonamento e na concepção.

Sendo assim, o que resultará de todo esse flerte de ideias é a criatividade.


Leia também


Concluindo

A mulher tipo Afrodite nem sempre quer dizer que é bonita, mas sim que é atraente. Como uma energia que emana dela, atrai as pessoas em sua volta.Somando sua carisma com os atributos físicos, encontramos uma mulher Afrodite.

Em casos mais simples, a mulher pode não atrair as pessoas, porém quem tem uma certa intimidade podem se sentir atraídos. Sendo assim, pode não ter uma aparência bela e bem cuidada, porém sua energia irá fascinar quem entre em sua vida. E não haverá beleza alguma que os afaste.

Gostou do arquétipo de Afrodite? Lembrando que há muita informação à respeito, e que se encontra no livro de Bolen “As Deusas e a Mulher”. Estude-os com sabedoria!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sobre a autora

Alis Green

Uma bruxa escritora que é viciada em animes. Adora estudar sobre mitologias e história, como também gosta de ler romances regenciais. Quando aprende alguma coisa nova, sempre passa à frente em seus posts.

Leia sobre esses artigos
5 passos para iniciar a Bruxaria Natural Lista de leitura para Bruxinhos Iniciantes Como começar na Bruxaria Natural